Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Acesse a versão para celular

Vendedor de picolé morre ao ser jogado em córrego por cobrar dívida

Ele foi empurrado com seu carrinho para dentro de um córrego

Vendedor de picolé morre ao ser jogado em córrego por cobrar dívida
1 | Reprodução
Compartilhe
Google Whatsapp

O vendedor de picolé Altino Machado, de 57 anos, morreu após ser empurrado com seu carrinho para dentro de um córrego em Coramara, em Cachoeiro de Itapemirim, no sul do Espiríto Santo. Ele foi agredid após cobrar uma mulher que devia o valor de dois picolés e morreu no domingo (02).

"Ela disse que eles estavam bebendo e que começaram a discutir por causa de dois picolés que ela tinha pego, mas disse que não tinha dinheiro para pagar. Até que, no final das contas, ficaram uns três minutos em luta corporal e ela empurrou ele no córrego", explicou o delegado Felipe Vivas, do Departamento Especializado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), ao Gazeta Online.

Agredido, Machado foi ajudado por moradores, que chamaram o Corpo de Bombeiros, e então socorrido e encaminhado para a Santa Casa de Misericórdia da cidade, onde ficou internado até falecer ontem. A suspeita, uma mulher de 32 anos, irá responder por lesão corporal seguida de morte. Ela ainda não foi presa. O caso está sendo investigado pelo DHPP.

 (Crédito: Reprodução/Facebook)
(Crédito: Reprodução/Facebook)



Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Carregar os comentários (0)

comentários

fechar comentários
Nenhum comentário feito até o momento

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se